Conheça os tipos de colchão

Uma das decisões mais importantes na hora da compra é definir qual o tipo é mais indicado para você. Conforto, durabilidade e capacidade de manter a forma após serem submetidas a pressão variam entre cada tipo de colchão.

A primeira coisa que você precisa definir é se prefere colchão de espuma ou de mola. O primeiro tem a vantagem de ser mais barato e ter melhor sustentação para coluna, importante diferencial para quem sofre com dores nas costas, já o colchão de mola é superior pelo conforto e durabilidade. Dentre os tipos mais conhecidos, podemos destacar:

Colchão de mola ensacada

Como as molas são ensacadas de forma individual, esse tipo de configuração garante que elas não saiam para fora do colchão e, mais importante, que respondam à pressão de forma individual. Isso significa que se há duas pessoas dormindo juntas, a movimentação de uma não irá interferir na base de sustentação da outra, ou seja, menos interrupções do sono.

Colchão de mola bonnel

Mais em conta, nesse tipo de colchão as molas são interligadas, o que significa que sempre que houver pressão sobre uma porção delas, haverá mudança gradual entre os elementos ao redor. A vantagem, é que por ser um colchão de mola, o conforto e a durabilidade serão maiores que um de espuma.

Colchão de espuma

Modelo mais simples e encontrado em praticamente todas as lojas que trabalham com cama, o colchão de espuma garante maior sustentação para a coluna, já que sofre menos deformações em sua estrutura quando submetidos à pressão. Ou seja, ela vai ficar mais firme, ao invés de assumir o formato do seu corpo, como acontece com o colchão de molas.

Colchão viscoelástico

Uma versão premium do colchão de espuma, sua variante smart possui o mesmo material com que são confeccionados os “travesseiros da nasa”. Basicamente, o material possui camada com diferentes densidades sobrepostas, o que garante que elas se adaptem mais confortavelmente ao peso.

Qual a densidade do colchão?

Densidade significa quanto peso aplicado a uma parte do colchão ele aguenta sem deformar. É importante entender que esse fator não é exclusivo do peso do indivíduo, já que o impacto de 80 Kg de alguém com 1,60 m é totalmente diferente de uma pessoa com 1,90 m.

Um ponto importante em relação a densidade é entender que os parâmetros entre os colchões de espuma e de mola são completamente diferentes. Enquanto o primeiro é definido diretamente por uma tabela, no segundo o peso suportado vai variar de acordo com o tipo de material com que é feito.